segunda-feira, 22 de outubro de 2007

O que você faria?

Sou uma pessoa movida a impulsos pessoais. eles não são brandos na maioria das vezes. Mas ainda são controláveis. Aliás, o que a cultura, a sociedade e a educação fizeram por vc? Acho que muitas vezes impuseram limites. Sim, porque vivemos num mundo cheio de regras e limites. Perái que algumas regras eu respeito e acho válidas, mas algumas eu questiono e simplesmente desobedeço!

Mas enetendo o mundo que segue um padrão estabelecido. Entendo, respeito e às vezes até apoio. A família por exemplo. A família é uma regra pra se aceitar mesmo. Parente é um troço esquisito que só porque nasceu com "laços consanguíenos" a gente temque aturar para o resto da vida! É complicado, mas eu acredito em Deus e só ele realmente sabe o porquê de certos parentes.

Das coisas que nos cercam e nos cerceiam a liberdade, a religião tem um papel preponderante. E não é de hoje. A validade de se fazer alguma coisa temendo outra é discutível, mas o acreditar em alguma coisa é extremamente válido. Mesmoq ue sejauma crença baseada em grandes mentiras. Mentiras que os homens e mulheres (mas os homens contaram mais nessa história) contam!

Então, o que a sua liberdade fez por você?

Ah, você não é livre? Pois deveria!

O que você faria se o mundo acabasse amanhã?

Tudo bem, o fim do mundo não existe.

Mas o que faria se fosse morrer amanhã? Porque isso, cara-pálida, fatalmente vai te ocorrer!

Durma e pense nisso!

2 comentários:

pies diminutos disse...

Saludos desde España!!

rainha disse...

Concordo inteiramente. Mas algumas amarras são bem difíceis de desfazer. É pra pensar...